[Na rede] Universidade de Coimbra elimina carne de vaca das cantinas

Reitor da universidade destaca que "vivemos um tempo de emergência climática" e que é necessário "colocar travão nesta catástrofe ambiental anunciada". Carne será substituída "por outros nutrientes".

A Universidade de Coimbra (UC) vai eliminar o consumo de carne de vaca nas cantinas universitárias a partir de janeiro de 2020, anunciou esta terça-feira o reitor, Amílcar Falcão.

Este será o primeiro passo para, até 2030, tornar a UC “a primeira universidade portuguesa neutra em carbono”, disse o reitor na cerimónia de receção aos estudantes.


“Vivemos um tempo de emergência climática e temos de colocar travão nesta catástrofe ambiental anunciada”, sublinhou, na sua intervenção, perante centenas de alunos.

A carne de vaca será substituída “por outros nutrientes que irão ser estudados, mas que será também uma forma de diminuir aquela que é a fonte de maior produção de CO2 que existe ao nível da produção de carne animal”. 


Para consultar o texto completo, visite a página do Observador. Pode também conferir a cobertura desta notícia pela SIC Notícias e RTP.